Abrir loja física ou loja online? Vantagens e desvantagens

Abrir loja física ou loja online? Já faz algum tempo que as pessoas que se preparam para ter a sua própria loja se deparam com uma dúvida e precisam fazer uma escolha: abrir uma loja com ponto físico ou uma loja online, usando as redes sociais e as plataformas especiais para e-commerce?

É claro que cada uma das formas de atender tem as suas particularidades, desafios, afinidade, vantagens e desvantagens. Entretanto, tomar a decisão, principalmente para quem nunca teve uma loja antes, é um processo cheio de dúvidas e incertezas no começo.

A seguir, você terá algumas explicações com relação ao que é bom e o que é ruim com relação a cada um desses tipos de lojas.

Abrir física ou loja online? Vantagens e desvantagens

 

Loja física

A abertura e uma loja física tem os seguintes PONTOS POSITIVOS:

 

  • Possibilidade de lidar com o cliente de maneira mais próxima

Há pessoas que têm real necessidade de interagir olho no olho, ou seja, de tratar com as demais presencialmente, vendo as reações durante a conversa e criando uma conexão.

Sem qualquer dúvida, muitos clientes são emocionais e tendem a retornar à loja quando se sentem conectados a ela ou a quem trabalha ali e essa conexão é bem mais fácil presencialmente.

Para quem tem mais afinidade por comunicação verbal, tende a ter mais facilidade para atender o seu cliente com mais facilidade.

 

  • Menor número de trocas

Nas lojas físicas, o cliente está olhando e tocando a peça de roupa, conseguindo uma ideia muito mais confiável a respeito do seu tamanho. Com isso, são poucas as chances de esse mesmo cliente ficar insatisfeito com a peça de roupa que levou para casa e a loja tem de realizar menos trocas.

A troca no e-commerce não é obrigatória, mas a grande maioria das lojas oferece tabela de medidas e também a opção de troca como cortesia, para melhorar a experiência de compra e fidelizar o seu cliente.

Por outro lado, segundo o Código de Defesa do Consumidor, caso o cliente deseje fazer uma devolução da compra online com o valor integralmente restituído, ele tem esse direito e o lojista precisa cumprir com essa obrigação caso o cliente solicita a devolução, dentro do prazo máximo de 7 dias após o recebimento do produto.

 

  • Consumidor mais tradicional sente-se protegido

Apesar de o número de pessoas que compram online estar se multiplicando todos os dias (principalmente após a pandemia), ainda há uma parcela que não compra nada que não seja de forma presencial e, por isso, a sua loja física acaba com uma vantagem.

 

Já as suas principais DESVANTAGENS são as seguintes:

 

  • Necessidade de procurar por um ponto comercial

É preciso que a loja física tenha um espaço para funcionar e isso não costuma ser uma tarefa barata. Além disso, tomar cuidado com a localização e decoração do ambiente é outra coisa que os lojistas precisam fazer quando querem uma loja física: afinal, uma localização ruim não favorece o fluxo de pessoas para o estabelecimento.

 

  • Redução do alcance de clientes

Com as lojas físicas, os clientes acabam sendo, principalmente, as pessoas que moram pelas redondezas ou que trabalham por ali. É por isso que o número de vendas pode não ser tão expressivo quando comparado às vendas online, que com o avanço da área da logística, tem conseguido atender grande parte do Brasil com preços de fretes acessíveis.

 

  • Riscos de assalto

Ainda que a sua loja física se localize em um lugar confiável ou que você adicione um sistema de segurança, o risco de assaltos nunca sumirá e é por isso que alguns funcionários de lojas físicas vivem tensos ao longo do expediente.

 

Loja Online

Assim como as lojas físicas, os e-commerces também têm vários fatores que ajudam a escolher como os lojistas vão trabalhar. Dentre seus PONTOS POSITIVOS, destacamos:

 

  • Possibilidade de vender para grande parte do Brasil

Como os produtos vendidos em um e-commerce são mandados via transportadora, é possível que os seus clientes estejam em qualquer lugar, até mesmo em países vizinhos. Com isso, a possibilidade de lucro se torna muito maior, devido ao aumento de captação de clientes e volume de venda.

 

  • Não é preciso instalação física de alta complexidade

No começo não é preciso fazer grande investimentos em aluguel de estabelecimentos físicos com valor agregado mais alto. É possível começar em pontos físicos mais distantes dos grandes centros, apenas para alocação de estoque e gestão de envios dos pedidos, que consequentemente, são mais baratos.

 

  • Menos riscos de assalto

Exatamente pela falta de instalação física, é muito mais difícil de ocorrer um assalto a um lojista que só vende online.

 

  • Compras mais rápidas

Para os clientes, fazer compras virtualmente é algo dinâmico e que faz o dia render. Inclusive, é muito mais fácil ter informações sobre cada produto em um e-commerce em vez de ficar enchendo o lojista de perguntas.

Porém é necessário fornecer informações detalhadas do seu produto para que o cliente não desista da compra.

 

A seguir, é possível confrontar também as DESVANTAGENS de uma loja virtual:

  • Necessidade de aguardar pela entrega

Uma das coisas que deixam os clientes um pouco ansiosos é que eles têm de esperar que o que eles compraram seja entregue e isso pode demorar alguns dias.

Inclusive, essa é uma razão para que alguns consumidores prefiram as lojas físicas: porque eles querem o seu produto naquele momento.

 

  • Necessidade de conhecimento para realização do Marketing Digital

O simples fato de você criar uma loja virtual, não quer dizer que você começará a fazer vendas da noite para o dia. É necessário ter conhecimento em fontes de tráfego com redes sociais (Instagram, Facebook, Tiktok) e Google; e estratégias de aquisição de clientes.

Nada que não seja impossível de se aprender com o tempo, mas caso prefira resultados mais rápidos, você também pode contratar profissionais especializados na área – os chamados “gestores de tráfego pago”.

Para aquisição de cliente você também precisará investir em anúncios online, para captar atenção dos seus potenciais clientes. Mas fique tranquila, pois a grande vantagem da venda online é você poder metrificar e ajustar as suas estratégias de marketing, com o objetivo de vender mais, gastando menos.

 

  • Possibilidade de fraudes

Infelizmente nas vendas online de produtos físicos é possível que a sua loja seja alvo de pessoas desonestas que tentam realizar a compra utilizando cartões de créditos falsos ou de terceiros.

Mas a boa notícia é que cada vez mais os meios de pagamentos estão investindo pesado em segurança, para minimizar esse risco para os empreendedores e clientes.

Outra dica é que se você deseja entrar para o mundo de vendas online mais ainda possui um certo receio, é possível fazer parcerias com lojas que possuem grande estrutura de vendas, como o Mercado Livre, Lojas Americanas, Elo7, Amazon, entre outros. São os chamados Marketplaces onde você pode disponibilizar o seu produto para venda e só paga uma taxa de comissão quando uma venda é realizada.

Essa é uma excelente forma para quem não tem conhecimento e quer entrar no mundo das vendas online.

Espero que tenham gostado e boas vendas!

 

  • Veja também:

Como tirar boas fotos de produtos para vender na internet

Como criar audiência com o público da minha marca de roupas

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Melo

Rafael Melo

Meu nome é Rafael e possuo uma marca de roupas com produção própria e canal de vendas online (e-commerce). Esse blog foi criado com o intuito de ajudar aos usuários que desejam criar a sua primeira marca de roupas.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Minha Marca de Roupas
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0