8 dicas de como vender roupas online pela internet

Você quer saber mais sobre como vender roupas online pela internet? Então chegou ao local certo!

Portanto, com o objetivo de auxiliá-lo a obter mais informações sobre como vender roupas online pela internet, elaboramos o presente artigo dedicado a esse assunto. Deseja obter mais informações? Então, acompanhe esse conteúdo exclusivo!

como vender roupas online pela internet

Confira 8 dicas de como vender roupas online pela internet

1. Refine suas descrições de produtos para SEO

O termo SEO em inglês significa Search Engine Optimization (Otimização para Mecanismos de Busca, em português) e refere-se ao conjunto de técnicas e estratégias utilizadas para melhorar a visibilidade de um website nos resultados orgânicos dos mecanismos de busca, como o Google por exemplo.

Parra aumentar a visibilidade da sua loja nos resultados de buscas orgânicas do Google, é necessário caprichar nas suas descrições e utilizar as palavras chaves corretas, que indicam perfeitamente ao que se refere o seu produto.

Ao otimizar o seu site para palavras-chave relevantes para o seu negócio, você atrai visitantes que têm maior probabilidade de estar interessados nos produtos que você oferece. Isso resulta em um tráfego mais qualificado, com maior chance de conversão em vendas.

Mas SEO é muito mais do que apenas trabalhar a descrição dos seus produtos, por isso indico que você se informe mais sobre o assunto, caso queira obter mais vendas com a sua loja no longo prazo.

2. Use fotos de produtos de qualidade

Qualquer que seja o produto que você venda, é essencial ter tempo para encontrar ou tirar fotos de qualidade de seus produtos. Os clientes muitas vezes compram pela imagem, por isso reserve um tempo para afinar todas as fotografias.

Se possível, use variações como fotos ambientadas e fotos em estúdio, com o fundo branco.

3. Organize seus produtos com cuidado

  • Organize seus produtos com categorias claras e lógicas: nada pior do que chegar a uma loja onde os produtos são mal classificados: não encontramos nada, ficamos desapontados e deixamos o site tão rápido quanto chegamos, mantendo uma má imagem da marca.
  • Ofereça produtos complementares na sua página de produtos: Isso faz com que a pessoa considere comprar mais que uma peça de roupa por vez.
  • Facilite a navegação dos seus utilizadores: evite exceder 2 níveis de navegação. Se você tem muitas categorias, muitas vezes é melhor oferecer um menu que permite que o cliente veja toda a sua oferta simplesmente passando o mouse sobre o menu.
  • Adicione um mecanismo de pesquisa interno ao seu site: Um mecanismo de pesquisa geralmente é fácil de adicionar e permitirá que seus usuários encontrem rapidamente o que estão procurando, evitando a frustração de pesquisar sem encontrar.

4. Planeje um bom plano de comunicação

Seu site está pronto, está funcionando corretamente, agora temos que gerar tráfego nele porque de que adianta oferecer ótimos produtos se ninguém sabe disso?

  • Pense cuidadosamente sobre a sua estratégia de comunicação: qual é o seu público alvo? Como se comunicar com ele? Em que tom? Em que lugares? Tudo isso deve ser pensado com cuidado para otimizar sua visibilidade, mas também sua credibilidade.
  • Dependendo do seu alvo, pode ser interessante ou mesmo essencial ter uma presença nas redes sociais. Cabe a você determinar em qual estar e como iniciará uma conversa com as pessoas através dela.
  • Evite erros ortográficos: vários estudos comparativos (via testes A / B) testaram e analisaram as consequências que os erros ortográficos podem ter em um site. Em suma, há uma perda de credibilidade, bem como perda de vendas. Por isso, evite a todo custo!
  • Por vezes, o SEO não é suficiente, e pode ser interessante criar uma campanha como o Meta Ads e Google Ads.
  • Crie um perfil da sua empresa no Google Meu Negócio. Esse canal funciona como um diretório local de vendas e poderá aumentar a visibilidade da sua loja para pessoas que buscam o seu produto próximo a sua região de localidade. Capriche na ficha e descrição do que é solicitado no cadastro.
  • Procure parcerias: através de uma empresa com produtos complementares, ou blogueiros e influenciadores que trabalham com o mesmo alvo que você.
  • Crie uma newsletter: você pode oferecer um formulário para captar o e-mail dos seus visitantes e oferecer a subscrição de uma newsletter que lhe permitirá enviar informações sobre os seus novos produtos, promoções ou notícias da sua loja. Mas cuidado para encontrar o ritmo certo: nem muito, nem muito pouco…
  • Calendário de vendas: planeje com antecedência e use os calendários de vendas: páscoa, Natal, dia das Mães, dia dos Pais, vendas de verão e inverno, etc…
  • Ofereça a opção de embalagem para presente, para que seus clientes possam presentear seus familiares ou amigos com os seus produtos.
  • Mime seus clientes e fidelize-os: como costumamos dizer, é mais fácil trazer um cliente de volta do que ganhar um novo. Seja criativo nessa etapa !

5. Respeite as boas práticas da internet

É verdade que hoje qualquer pessoa um pouco engenhosa é capaz de projetar um site, mas isso não significa que ele será bem feito!

É um pouco como preparar macarrão: todos podem cozinhá-lo, mas não necessariamente será bom: há um momento específico para jogar o macarrão na água, um tempo de cozimento a ser respeitado, talvez algo a ser adicionado à água em algum momento para melhorar o sabor, uma maneira de escorrer, etc…

Portanto, tenha em mente isso e estude quais são as boas práticas que devem ser seguidas na internet para alcançar o sucesso.

6. Teste e teste sua loja online

  • Teste e re-teste você mesmo todo o processo de pedido com vários tipos de dispositivos: smartphones, notebooks, desktops, tablets, com uma boa conexão com a Internet, mas também com uma conexão média ou mesmo ruim.
  • Para melhorar a experiência do usuário de seus clientes, não hesite em contratar um especialista em usabilidade da web.
  • Tenha o seu site testado por novatos e observe-os. Observe seus bloqueios, suas hesitações e tente obter formas de melhoria.

7. Compare os serviços de entrega e escolha os melhores

Escolha cuidadosamente o seu serviço de entrega e transportadoras parceiras. As entregas refletem a imagem do seu negócio e parte da sua reputação está nas mãos do serviço de entrega.

Você pode escolher vários, dependendo da localização dos seus clientes e do tipo de produto.

8. Tenha um atendimento ao cliente perfeito

  • Teste o seu atendimento ao cliente para verificar se todas as mensagens chegam bem aos destinatários.
  • Ofereça várias maneiras de entrar em contato com você: telefone, e-mail, whhatsapp, chats na sua loja… Não se esqueça de indicar seus horários de funcionamento.
  • Esteja atento e disponível para seus clientes. Mostre a eles que suas opiniões lhe interessam e que são importantes para você.
  • Lembre-se de que cada observação, detecção de bugs ou problemas em seu site é um presente para ajudá-lo a melhorar seus serviços. Portanto, agradeça às pessoas que o ajudam você nisso.

 

Saiba mais:

> Como abrir uma loja de roupas online do zero

> Como criar audiência com o público da minha marca de roupas

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Rafael Melo

Rafael Melo

Meu nome é Rafael e possuo uma marca de roupas com produção própria e canal de vendas online (e-commerce). Esse blog foi criado com o intuito de ajudar aos usuários que desejam criar a sua primeira marca de roupas.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Minha Marca de Roupas
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0